domingo, 14 de dezembro de 2008

Doses Homeopáticas

Descobri o meu vício! O meu vício é você... Bem, não é exatamente você, mais as suas promessas, as suas palavras... essa droga de amor maluco que eu sinto por você virou um vício!
Eu sentia necessidade, mesmo que com toda essa distância, de doses homeopaticas de você! Só que hoje quando acordei lembrei que detesto dependencia, percebi que quase tudo o que você sempre disse foi falso, ou pelo menos não foi totalmente verdade...
Não sou mais aquela menina de 16 anos que saiu dai com a promessa de uma espera pelo tempo que fosse necessario...Vejo hoje que parece que não é bem assim né!
Você diz que ainda me quer, você diz que ainda precisa quando na verdade sustenta isso por pura curiosidade... A garotinha que foi embora com seus 16 aninhos virou uma mulher que viu que o principe encantado mentiu, a mulher aqui cansou de viver um amor unilateral, que nunca recebe nada em troca...
Tô pegando minha mobília de sonhos, to recolhendo do armario minhas fantasias e ilusões, por que o caminhão que eu contratei pra demolir esse castelo de ilusões já ta chegando... e eu não quero desmoronar junto com algo que nunca existiu!!!

.........................................................
A música de hoje me faz pensar... Lenine
Lenine - É o que me interessa








.........................................................
-> Esperando respostas... dia 26 ou so em janeiro...que dia faço minhas malinhas?
-> Sonhos bizarros durante a noite!

.........................................................

Notícias que vão mudar o mundo!


Comédias românticas podem atrapalhar relacionamento, diz estudo


As comédias românticas "made in Hollywood" podem atrapalhar um relacionamento amoroso, porque colocam uma marca muito alta em matéria de expectativas, segundo um estudo da Universidade Heriot-Watt, de Edimburgo.Segundo os psicólogos, esse tipo de filme, com argumentos muito pouco plausíveis e finais felizes altamente improváveis, transmitem uma falsa sensação de "relações perfeitas" e expectativas nada realistas.
Os cineastas simplificam também excessivamente o processo de iniciar o relacionamento e dão a impressão de que é algo que se consegue sem nenhum esforço por parte do casal.
"Embora a maioria saiba que é pouco realista esperar que um relacionamento seja perfeito, alguns continuam sendo muito mais influenciáveis do que achamos pela forma como o cinema ou a TV apresentam essas relações", acrescenta o especialista.

2 comentários:

Old Bird disse...

Doses homeopaticas em escala industrial,
tudo acaba em samba, é sempre carnaval.....

e por ai vai...
Cheguei a Belo Horizonte hoje, estava vendo no DVD algumas fotos antigas, muito de mim, muito de voce....
amigos que não vemos mais, paixoes que não sentimos mais...
Alegrias eternizadas.
Bons momentos.
abraços
fica com Deus!

vai pro Recife?!

Suaninha disse...

tudo existe, o sonho edifica-se... acredite que irá voar! relaxe, certas coisas acontecem por causa de algo que se chama: infinito!